Não me deixe só

Publicado: fevereiro 28, 2004 em Declarações, Música, escrever, sentir...

Vanessa da Mata – Não Me Deixe SóNão me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só
Tenho desejos maiores
Eu quero beijos intermináveis
Até que os olhos mudem de cor

Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só
Que eu saio na capoeira
Sou perigosa, sou macumbeira
Eu sou de paz, eu sou do bem mas

Fique mais
Eu gostei de ter você
Nâo vou mais querer ninguém
Agora que sei quem me faz bem

Não me deixe só
Que o meu destino é raro
Eu não preciso que seja caro
Quero o gosto sincero de amor

Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só, que eu não quero decidir nada por você.
Não me deixe só, que o pior de tudo é a solidão.
Não me deixe só, porque juntos somos mais fortes.
Não me deixe só, ninguém vai cobrir a lacuna que você deixar.
Não me deixe só, porque eu sei que precisamos um do outro.
Não me deixe só, eu não vou morrer, mas serei menos feliz.
Não me deixe só, porque tuas cores são as que eu preciso pra pintar minha vida…

Se eu estiver distante, um minuto que seja, eu peço desculpas. As vezes tudo pode parecer uma questão de escolha, mas certas coisas quase nunca são. Certas pessoas nos fazem querer estar sempre presentes, sempre atentas, a todos os detalhes e gestos.

Eu não vou te deixar só 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s