Eu escrevo porque…

Publicado: abril 6, 2004 em Música, escrever, sentir..., Olhar para dentro

Eu não escrevo porque tenho as letras bonitas
Eu não escrevo porque tenho dominio gratical
Eu não escrevo por simples comunicar
Eu não escrevo pra somente descrever o bonito
Eu não escrevo pelo puro prazer da palavra
Eu não escrevo por vocaçãoEu escrevo porque assim sinto
Eu escrevo porque preciso dizer a vocês
Eu escrevo porque isso chega mais alto do que minha voz
Eu escrevo porque preciso expressar
Eu escrevo porque existem coisas que precisam mudar
Eu escrevo porque sentimentos sao importantes
Eu escrevo porque preciso entender

E escrevendo eu sei que me repito
E escrevendo eu sei que me confundo
E escrevendo eu sei que me descubro
E escrevendo eu sei que me apaixono, que esqueço
E escrevendo eu sei que confesso o que sou, eu confesso o meu amor…
————–

Fernanda queria viver intensamente
Mário queria escrever um livro
Marina queria fotografar o mundo
Rafael queria amar

As possibilidades são tantas. No entanto, nem sempre tudo o que fazemos, por mais bem feito que seja feito, se reverte em resultados positivos. Existem tantos amigos para os quais dispensamos tanto carinho e atenção, e no final das contas os vemos nos mesmos becos escuros. Existem tantas vezes em que perdoamos para ver posteriormente o mesmo erro sendo cometido. Existem tantas vezes em que rompemos algumas amarras pra depois acabar nos enroscando em outras piores.
Não somos senhores do destino. Podemos ter dado chances ao acaso pra boas surpresas, mas nem sempre elas vão acontecer. No entanto, acredito que devemos estar consciente do que é o nosso papel, sua abrangência e também seu fim. Nem tudo depende de nós, o que quer dizer que, apesar de responsáveis pela vida que vivemos, não somos de todo modo ‘culpados’ por ela. Isso quer dizer que algumas vezes vamos viver coisas que não são parecidas com as ‘sementes’ que plantamos. Mas isso faz parte do processo, e não quer dizer necessariamente que erramos em ter confiado, perdoado, acreditado, amado…

Muito cuidado para não identificar todo acontecimento frustrante como fruto de um erro pessoal 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s