Arquivo de janeiro, 2006

Acordando pra vida de novo. Percebendo que o tempo não para só porque precisamos que ele pare. E o tempo também não corre porque precisamos que ele corra.Se é assim então, não vou esperar que o tempo resolva meus problemas. E não vou me sentir culpado pelos problemas que eu nunca poderia resolver. E não vou me culpar pelos erros que eu não cometi.

Vou lutar pelo que eu posso, vou lutar pelo que eu quero. Porque antes de qualquer coisa, eu tenho principios e ideais dos quais não posso me abster. Não posso deixar de ser quem eu sou.

Vou reconstruir.
Vou voar mais alto. Com asas maiores.

Meu desejo não é esquecer o passado, não é ignorar tudo o que aconteceu. E sim não deixar que isso me impeça de viver o presente, de ter esperança no futuro.

Anúncios

Quando tudo desmorona

Publicado: janeiro 9, 2006 em Olhar para dentro

Tem alguns momentos pela nossa vida em que acontecem certas coisas que nos destroem. Caem nossos maiores alicerses, nossas maiores certezas. Nos deixam as pessoas em que mais acreditamos. Mudam os sentimentos que acreditávamos serem os mais sólidos. O que sempre precisamos, e nos estava disponível, de repente não está mais.Quando isso acontece, precisamos buscar a reconstrução. Ir atrás dos pedaços do que se destruiu. Não adianta querer tudo como era antes. Nunca mais seremos os mesmos. Mas precisamos resgatar o que era importante, o que continua nos sendo especial.

Precisamos lembrar de que não morreram todos os ideais. E de que não nos enganamos em tudo. Fizemos o que achamos que deveriamos fazer, apesar de isso não nos isentar de culpa alguma. Mas quem disse que todos os erros foram frutos de culpa? Às vezes as coisas não saem como deveriam sair, por mais que todos os passos tenham sido aqueles que pareciam os mais corretos.

Bom, eu estou aqui, tentando recolher os destroços, tentando reconstruir conceitos, tentando sonhar de novo. E meu primeiro nick, o do antigo blog, se torna mais atual do que nunca.
Gabriel wanna dream…