Arquivo de agosto, 2006

Se eu não sei o que dizer não quer dizer que eu não sei o que pensar. Se eu escolho não fazer não quer dizer que não acho que você não deva fazer. Se eu não me levantar não quer dizer que não seja preciso levantar.Às coisas não acontecem sempre como queremos. Isso significa que não dá pra viver absortos na culpa das conseqüências das atitudes que tomamos. Mas também não adianta se esconder da responsabilidade inerente a consciência: não é porque se faz com as melhores intenções que poderemos não nos importar com o resultado final.

Não basta querer, é preciso ir além. Desejar é muito fácil, o difícil mesmo é tornar viável a concretização do desejo por um caminho que lhe seja ideologicamente correto: é fácil querer mudar o mundo, o difícil é conseguir mudá-lo. E não é porque se quer e se tenta que não deve haver cobranças sobre a maneira como isso se dá, ou pelos resultados que obtemos com a nossa luta.