Sobre os motivos e movimentos.

Publicado: março 22, 2015 em Sem-categoria

Metade dos motivos para lutar envolvem ter certeza de que poderemos chegar a um lugar e situação muito melhores das que vivemos hoje. Ainda que em alguns dias não tenha certeza sobre os caminhos para chegar lá, ainda me resta a outra metade dos motivos, que envolvem a incapacidade de me conformar com o mundo como está.

Não me incomoda o fato de que as pessoas pensem diferentes caminhos para mudar. Acho que é o movimento e o diálogo que serão capazes de construir as sínteses necessárias para que possamos descobrir formas de construir um mundo um pouco mais parecido com o que acreditamos. O que me incomoda profundamente é o quão pouco tantas pessoas estão empenhadas em, para além das suas declarações de valores e crenças, lutar para construir as pontes entre o que se acredita e o que existe.

Das grandes questões do mundo moderno: transformar convicção em ação, reflexão em acúmulo, consciência crítica em ativismo. Que possamos nos incendiar cada vez mais para caminhar na direção do que acreditamos, transformar nossas insatisfações em disposições e que, neste processo desgastante da luta cotidiana, saibamos buscar nossos portos seguros e esperanças distantes, porque se para lutar há de se ter um pedaço de angústia e desespero, o equilíbrio só é possível com muita paixão e esperança.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s